REGIÃO Natasha Rodrigues

Mulher que Matou Vizinha Tem Prisão Convertida em Domiciliar

Prisão foi convertida em domiciliar, pois, defesa diz que agressora tem filha que depende dela

Segundo a defesa da agressora, sua prisão foi convertida em domiciliar, pois, tem filha que depende de seus cuidados.

Mulher que Matou Vizinha Tem Prisão Convertida em Domiciliar

A mulher de 35 anos que foi presa em flagrante após esfaquear a vizinha, de 69, em Bauru, passou por audiência de custódia nesta terça-feira (2).

Como resultado, teve a prisão preventiva decretada, mas a Justiça decidiu substituí-la por prisão domiciliar.

De acordo com a defesa de Elisângela de Castro, ela tem uma filha de 10 anos que depende dos cuidados dela e por isso houve essa substituição na prisão preventiva.



Além disso, a defesa informou ainda que vai se inteirar dos autos do processo e por enquanto não vai se manifestar.

O corpo da vítima, Justina Coelho Lopes, foi velado e enterrado na manhã de terça.

Segundo informações da polícia, Justina e Elisângela discutiram e agressora voltou para casa, pegou uma faca e esfaqueou a vizinha.

Confira matéria completa do caso aqui: Briga Entre Vizinhos Termina com Idosa Assassinada

 

Vector News | Informações e Foto G1

Sobre o autor | Website

Redatora, 23 anos, reside em Barra Bonita. Atuou em diversas áreas do Jornal Impresso, além de Produção de Vídeo, Gestora de Mídias Sociais e Colunista Social, posteriormente em Revista Local, hoje, Consultora em Marketing e Redatora na Vector News.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!